Second Life – Virtual até que ponto?

Second LifeMuitos de vocês leitores devem conhecer o game Second Life, que como o próprio nome já diz, trata-se de um simulador da vida semelhante ao The Sims, mas com uma pequena diferença. O jogo é multiplayer, atuando com pessoas reais em um mundo virtualmente conectado via internet.

O fato é que esta barreira entre o mundo virtual e a vida real está ficando cada vez mais tênue, gerando certas influencias do jogo no mundo real, e vice-versa. Por mais maluco que se possa parecer, essa realidade virtual está se fundindo com a vida real de certas pessoas, de uma maneira positiva.

O Second Life foi criado em 2003 pela Linden Lab, e nele você elabora seu personagem que atuará na vida digital, podendo ter aparência humana ou até de animais. Os cenários do game também são todos criados pelos próprios usuários, podendo seguir uma linha realística ou fantasiosa, de acordo com a preferência do criador.

Para os usuários participarem do game, existem 2 opções de conta:
A primeira delas é a conta básica, que lhe possibilitará uma participação gratuita no game, onde você poderá participar de eventos e passear pelos diversos ambientes virtuais, como supermercados, boates, lojas, etc…

A segunda opção é a aquisição de uma conta premium, que dará o passaporte livre para o seu usuário criar casas, estabelecer uma área comercial, oferecer serviço às pessoas, enfim… mergulhar de cabeça no mundo Second Life. Para ter acesso à conta Premium é necessário pagar uma taxa de US$ 9,95 por mês.

Empreendimento virtual com ganhos reais

Hotel em Second LifeComo o game oferece um mundo completo, por que não possuir uma moeda própria? E é exatamente assim que funciona a economia de Second Life. Toda movimentação financeira é realizada com uma moeda própria do jogo, o “Linden Dolar” (L$). E o mais interessante de tudo isso é que esta moeda pode ser convertido para dinheiro de verdade!

Qualquer pessoa pode pintar um quadro, construir uma peça de roupa, um sapato, uma cadeira, ou qualquer outro objeto. Desta maneira, você pode optar por oferecer sua criação aos usuários do jogo, podendo futuramente migrar do artesanato para um empreendimento com maior número de funcionários. Por exemplo: você pode dar início a uma loja de móveis, onde você administrará seus Lindens (L$) contratando funcionários, construindo cadeiras, mesas, banquinhos, e consequentemente terá um retorno financeiro para cada venda realizada. Se você conquistar uma boa quantia de Lindens durante sua atuação no jogo, você poderá trocá-los por uma boa quantia de Dólares de verdade!

residencia em Second LifeA revista Business Week publicou uma matéria sobre um usuário do jogo, chamado virtualmente de Anshe Chung, que chegou a faturar US$ 250,00 US$ 250.000,00 de verdade com seu empreendimento virtual! Ele construiu uma ilha virtual, onde as pessoas pagam em Lindens para alugar ou comprar as residências construídas por Chung. Para manter o crescimento da empresa, o usuário ergueu na vida real um escritório com 10 participantes para trabalharem juntos em seu empreendimento virtual.

Atualmente, o game conta com mais de 900.000 usuários cadastrados, registrando uma movimentação de cerca de US$ 400.000,00 por dia.

Tendo como base esses dados, diversas empresas de renome mundial estão aderindo suas marcas às empresas pixeladas em um universo ainda não explorado, obtendo resultados bem interessantes, tanto em relação a Marketing-Share, como em questões financeiras.

Empresas Reais em Second Life

A American Apparel chegou a contratar um arquiteto e um designer especializados para trabalharem no ramo virtual, construindo uma filial da empresa para oferecer seus vestuários para os residentes virtuais. É… a moda também faz parte do universo virtual!

Reuters em Second LifeA agência de notícias Reuters planeja levar suas notícias em forma de texto, áudio e vídeo sobre o mundo real para dentro do Second Life, e oferece até um site exclusivo para os usuários do game, contendo até um conversor de moedas, para informar o câmbio entre Lindens e diversas outras moedas do mundo real, como o Dólar, Iene, Euro, etc… (Atualmente, L$ 1000,00 equivale a US$ 3,70).

“O banco “Wells Fargo” já abriu um escritório em uma de suas ilhas, ao passo que um consórcio de 200 empresas, entre elas a Wal-Mart, a American Express e a Intel, está explorando possibilidades de intercâmbio de informação virtual. Para os analistas em tecnologia, a “Second Life” deve ser levada a sério como fonte e plataforma de negócios e como um dos primeiros exemplos de realidade virtual para consumidores.“

Profissionais no mundo virtual

Além de empresas, muitos profissionais da vida real, estão provando o gostinho de oferecer seus conhecimentos técnicos no mundo do Second life.

Second Life - Adam Reuters“Adam Reuters” (na verdade, Adam Pasick), é chefe de jornalismo da Reuters no Second Life, dedicando severas horas de seu trabalho para publicações no mundo virtual.

Sua aparência física (real) é muito parecida com a do seu personagem virtual, mantendo suas características físicas para tornar o Second Life ainda mais próximo da realidade. No site dedicado da Reuters você pode encontrar um link para acessar a agenda do jornalista.

Provavelmente está ai um novo campo de atuação para profissionais de diversas áreas de atuação. Pois nada impede que um arquiteto, ou decorador de ambientes ofereça seus trabalhos virtualmente para os residentes de Second Life, assim como um estilista, um animador de festas, um marceneiro, ou até mesmo um faxineiro não ganhem espaço no universo virtual.

Second Life no Brasil

Second Life - Pessoas ConversandoAgora uma boa notícia para quem se entusiasmou com o game. Uma empresa brasileira está negociando com a Linden Lab para criar um espaço dedicado aos usuários brasileiros, abrindo a oportunidade de os brasileiros ingressarem nesta segunda vida com moeda nacional.

A aposta para o sucesso do Second Life aqui no Brasil é devido ao grande índice de horas navegadas por internautas brasileiros. E em vista no “estouro” de alguns produtos estrangeiros no Brasil, como o Orkut, de fato o pais tupiniquim será visto com bons olhos pela Linden Lab.

Cadastre-se no site secondlife.com e baixe o Cliente em português para começar sua segunda vida!

Confira alguns vídeos de demonstração do Second Life:


Review do game


Tutorial de construção


Dançarina Lola

Publicado por Rael em: 18 de outubro de 2006 Rael é administrador do blog TechZine.com.br

421 Respostas em “Second Life – Virtual até que ponto?”:

  1. vanessa disse:

    eu adoro o second life

  2. k1 disse:

    tem que baixar e te placa de video 500

  3. Tássila disse:

    não dá eu não consigo criar minha conta, baixei o jogo, mas na hora de criar a conta diz q tem q ser maior de 13 anos e eu sou maior de 13 anos, oq eu faço? e pq essa freskura, me ajudem

  4. JoãoV. disse:

    Tássila….Esse jogo e só p maiores de 18 anos entendeu?P ninguem descobrir q vc naum tem 18 anos,na hora q vc criar a conta coloque de 1980p baixo e melhor.Crie uma senha de varios numeros e escolha seu (AVATAR);depois q vc criar a conta vc vai no E-MAIL e ativa ela!depois faz o download do game e escreva seu nome e sobrenome com sua senha.E loga….depois q carregar vc naum vai ver seu avatar verá apenas uma fumacinha branca.com o tempo de 5 ou 6 min.seu avatar aparecera.PS:Pea ajuda a alguma pessoa do jogo p te enviar copias das roupas delas,cabelos,sapatos e monte seu avatar…qualquer duvida me add la:João SecretSpy
    vlw bjss!
    :D

  5. Diogo disse:

    se alguem tem alguma conta no second life que n queira djpontesbrandao@gmaiil.com ja meti por volta de 201 senhas e nenhuma da pa fazer o cadastro

  6. guilherme disse:

    tem como fazer o cadastro gratis para menores de 18 anos no second life?

  7. carlos disse:

    Não consigo fazer minha conta…

    Ja fiz tudo na hora da senha volta pra página inicial…

  8. Thaynná disse:

    Caraca mano, eu tô coon o msmo problema qê vs :/
    SOCORRO!
    Dá pra alguém ajuudar agnt ?
    (ý pessoal

  9. nathielly disse:

    esse saite é ruin tudo em ingles nãon esplica como coloca o dinheiro nem como se cadstra me ajudem eu quero me cadstrar

  10. Bruna disse:

    Tentei entrar mais não consegui, coloquei minha data de nascimento aí quando clico para criar conta diz que tenho menos de 13, o que eu faço? Quero muito me conectar no Second Life.

  11. leticia disse:

    eu criei minha conta nomainland mas o email de confirmaçãonão chega

  12. carlos augusto disse:

    como eu faço para se cadastrar no second.

  13. carlos dias disse:

    Que espetáculo de lugar, agora estou a fazer um projecto sobre o second live ou seja criar um site que fala do second live e um blog :www.nucleoavatar.wordpress.com ;

  14. evelin disse:

    cara esse jogo o e show ja tenho 7 meses jogando ainda nao sei muito mai s ja fiz muitas amizades legais la, eo bom e que vc pode viajar sem limites..second life e verdadeiramente mimnha segunda vida =)

  15. vinicius disse:

    eu crio minha conta mais quando eu vo jogar fica falando la aceite os termos de serviço ai eu aceito mais nao da e tambem fala para eu baixar um negosio chamado plugin oque e isso..porfavor me ajudem.

  16. Wrc2010 disse:

    gente ..alguem pode me ajudar , nao consigo logar de maneira alguma no sl ….pois se levo meu not book a outro local eu consigo logar , mas quando conecto meu cabo da internet nao consigo so da falha de login , alguem poderia me ajudar..wrc2010@hotmail.com meu email ….se alguem puder me ajudar eu agradeço , pois nem os tecnicos da speddy sabem o que é e nem os tecnicos particulares

  17. Alinee2012 1 disse:

    eu quero me cadrsta

Deixe seu comentário:

ATENÇÃO! Antes de publicar seu comentário, leia com atenção:

- Qualquer comentário postado neste blog é de responsabilidade de quem o enviou;
- Não faça comentários com nomes falsos ou com nome de outra pessoa;
- Não é permitido comentários ofensivos, racista, preconceituosos e que envolvam atividades ilegais ou conteúdo pornográfico;
- Comentários sem fundamento e que não acrescentem nada ao debate serão deletados;
- Evite publicar links no campo de comentários, pois ele pode ser automaticamente considerado como SPAM pelo sistema.

Esteja ciente que o TechZine é um BLOG, e não uma loja. Portanto, não trabalhamos com venda de qualquer produto, muito menos oferecemos assistência técnica. Se você está em busca de algum produto, podemos lhe auxiliá-lo na compra. Porém, não somos responsáveis por qualquer transação comercial!

Não é permitido comentários de cunho comercial, anúncios de produtos novos ou usados, prestação de serviços ou qualquer outro comentário de caráter comercial ou promocional. Caso você queira anunciar seus produtos no blog, entre em contato conosco e saiba mais a respeito.

Não publique seus dados pessoais ou informações de contato no campo de mensagem. O campo de e-mail não será divulgado em hipótese nenhuma no blog, pois ele serve apenas efetuar um contato entre o editor do blog e o comentarista. Porém, se publicar e-mail, MSN, Skype, telefone ou qualquer outra informação pessoal no campo de MENSAGEM, seus contatos estarão exposto a qualquer pessoa que visite o blog.

Clique para mais detalhes...